Quarta-Feira, 21 de Outubro de 2020

Estudo brasileiro sobre profissões e salários, mostra que homens ganham 28% a mais que mulheres




COMPARTILHE

Em Mato Grosso, em média, os homens recebem salários 28,25% maiores que as mulheres para os cargos de nível superior. O dado foi mostrado por um estudo da plataforma Quero Bolsa, que analisou dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged) sobre profissões e salários nos contratos com carteira assinada em 2018.

Para o levantamento, foram avaliados salários pagos em 600 ocupações formais. Desse total, apenas 90 cargos apresentaram diferença superior a 5% favorável às mulheres. Em 153 profissões as diferenças salarias foram menores que 5%. No ranking brasileiro, apenas dois estados tiveram menos de 10% de diferença nos salários. Roraima, onde os homens ganham 4,74% a mais, e São Paulo, onde a os salários masculinos são 6,69% maiores que os femininos.

Mato Grosso está em quinto lugar entre os maiores percentuais de desigualdade salarial entre sexos, atrás do Maranhão (33,3%), Bahia (29,3%), Amazonas (29,2%) e Rondônia (29,1%).Por exemplo, entre os advogados, a média geral é de R$ 2.711,87, porém, enquanto a média dos homens é de R$ 3.024,80, a das mulheres fica em R$ 2.603,14, o que representa uma diferença de 16%.

Na área da contabilidade, a média para nível superior é de R$ 3.369,82, sendo a média masculina de R$ 3.747,80 e a feminina fica em R$ 3.101,51, ou seja, 21% a mais para os homens. Apesar dos pontos negativos, em algumas profissões no estado as mulheres tem salário maior, como é o caso de médicos clínicos. A média geral é de R$ 5.625,59, os homens ganham em torno de R$ 5.364,67 e as mulheres uma média de R$ 5.919,13, uma diferença de 9%.

Outra profissão em que as mulheres ganham mais que os homens em Mato Grosso é na análise de mercado. A média geral é de R$ 2.555,50. As mulheres recebem cerca de R$ 2.758,25, contra um salário médio de R$ 2.150 para os homens, uma diferença de 22%.


Autor: AMZ Noticias com Gazeta Digital


Comentários
O Norte Araguaia não se responsabiliza pelos comentários aqui postados. A equipe reserva-se, desde já, o direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros.

Nome:
E-mail:
Mensagem:
 



Copyright - Norte Araguaia e um meio de comunicacao de propriedade da AMZ Ltda.
Para reproduzir as materias e necessario apenas dar credito a Central AMZ de Noticias