Quarta-Feira, 23 de Outubro de 2019

Derrotado nas eleições de 2018, Valtenir Pereira volta à Defensoria e com salário de R$ 51 mil




COMPARTILHE

O emedebista Valtenir Pereira segue no vai-e-vem de Cuiabá a Brasília. Exerceu três mandatos seguidos de deputado federal e foi derrotado à reeleição em 2018.

Ficou na primeira-suplência. Mal retornou ao posto de defensor público do Estado e pediu licença de novo para reassumir posto na Câmara com a licença de quatro meses do titular Carlos Bezerra. No retorno à Defensoria, eis que o ex-deputado, bem articulado, consegue ocupar cargo privilegiado.

A partir da última sexta, dia em que "estourou" o escândalo nacional envolvendo seu nome como espécie de porta-voz de prefeitos na captação de recursos federais, parte deles desviados, se tornou conselheiro da Escola Superior da Defensoria Pública do Estado. E o salário do cargo é superatrativo, chega a R$ 51,9 mil brutos


Autor: AMZ Noticias com RDNews


Comentários
O Norte Araguaia não se responsabiliza pelos comentários aqui postados. A equipe reserva-se, desde já, o direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros.

Nome:
E-mail:
Mensagem:
 



Copyright - Norte Araguaia Para reproduzir as matérias é necessário apenas dar crédito ao Norte Araguaia