Quinta-Feira, 26 de Novembro de 2020

Escola de Vila Rica realiza intercambio pedagógico com alunos de Universidade do Tocantins




COMPARTILHE

Alunos e professores da Escola Estadual Vila Rica, localizada no município de mesmo nome foram convidados a apresentar no Campus de Arraias da Universidade Federal do Tocantins (UFT) um dos seus trabalhos.

A professora Jaqueline Stein e as alunas Patrícia Locatelli e Vanusa Rasia e a professora integradora Vânia Horner de Almeida, levaram um dos projetos mostrados no 3º seminário estudantil do ensino médio do campo e salas anexas.

O professor da UFT, Kaled Sulaiman Khidir assinala que a EE Vila Rica é organizada pedagogicamente, com professores compromissados com formação superior com especificidades das áreas e um preparo dinâmico e adequado. “Tudo isso resulta numa escola de diferentes localidades com salas anexas que ainda consegue uma dinâmica de forma que os alunos se sinta protagonista no processo de ensino aprendizado”, avalia.

Segundo Vânia Horner, o convite para apresentar os trabalhos foi durante um seminário de estágio de licenciatura em matemática. O convite partiu do professor doutor Ivo Pereira da Silva, após a repercussão na mídia do seminário. “No início do ano, os nossos professores se reúnem para discutir as temáticas que serão trabalhadas no decorrer do ano letivo. Neste ano foram trabalhadas 14 temáticas em cada localidade cada professor escolheu. Essas temáticas foram apresentados como resultado prático no encerramento do desenvolvimento do projeto”, destaca Vânia.

Ao se inteirar do projeto, professor Ivo achou interessante leva-lo paras seus alunos estagiários de matemática, pois os estagiários, em seu primeiro contato com a escola, que são as escolas do campo.

“Esse foi o nosso ponto forte, pois mostramos como se trabalha numa escola do campo, vivenciando a realidade que é um exemplo de trabalho. São alunos do 1º ao 8º semestre que vão par a escola no intuito de perceber como é riquíssimo essas ações das escolas do campo”, comemora Vânia.

A aluna Patrícia sentiu-se gratificada com a apresentação do trabalho para os futuros professores. Aluna da sala anexa da Comunidade Beleza, Patrícia classificou como uma experiência única, pois além de adquirir novos conhecimentos, teve uma sensação de extrema gratidão de superação, pois somos alunos do campo de uma localidade totalmente diferente.

“Estávamos em um estado diferente, apresentando para pessoas importantes de graduação para professores doutores, alguns fora de nossa realidade. Bem assim, pude apresentar o resultado do trabalho da nossa escola. Percebi também como aluno do ensino médio contribuiu significativamente para o meu aprendizado e do meu crescimento da minha própria pessoa.

 


Autor: AMZ Noticias com Adilson Rosa


Comentários
O Norte Araguaia não se responsabiliza pelos comentários aqui postados. A equipe reserva-se, desde já, o direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros.

Nome:
E-mail:
Mensagem:
 



Copyright - Norte Araguaia e um meio de comunicacao de propriedade da AMZ Ltda.
Para reproduzir as materias e necessario apenas dar credito a Central AMZ de Noticias