Quinta-Feira, 22 de Outubro de 2020

Alunos e professores da UFMT constroem drone gigante para reflorestar áreas degradadas




COMPARTILHE

Um drone gigante apropriado para jogar sementes e reflorestar áreas degradadas foi construído em Rondonópolis, a 218 km de Cuiabá, durante o Workshop Dronecoria Brasil. O evento teve o apoio do Ministério Público Estadual (MPE), que divulgou informações sobre o equipamento.

O drone passou por testes (voos demonstrativos) e voltará a operar em 2020 com objetivo de auxiliar na recuperação de áreas degradadas.

Construído em madeira compensada, com aproximadamente 1,5 metro de diâmetro e seis motores, o drone pesa 9 kg e tem capacidade de carregar mais 10 kg em sementes. A ideia é utilizar o equipamento inicialmente em áreas experimentais.

O drone consegue cobrir uma área de um hectare, que corresponde a 10 mil metros quadrados, em apenas 10 minutos. A ideia partiu do engenheiro da computação espanhol Lot Amorós, idealizador do projeto "Dronecoria", que tem por objetivo "projetar um drone open source capaz de plantar milhares de árvores e encorajar milhares de pessoas a plantar milhares de árvores" e, assim, contribuir para preservação do clima e da biodiversidade contra as mudanças climáticas.

O drone construído em Rondonópolis possui uma configuração diferente do espanhol. O Workshop Dronecoria Brasil foi realizado no mês de novembro, com atividades em Rondonópolis e Itiquira e compõe o “Programa de Recuperação de Áreas Degradadas no Sudeste de Mato Grosso: Capacitação Tecnológica e Regularização Ambiental de Áreas Públicas e Privadas (Prorad)”, desenvolvido pelo campus da UFMT de Rondonópolis, com o apoio do MP.

O programa custou R$ 351 mil e foi viabilizado pelo Ministério Público de Mato Grosso, por meio da Promotoria de Justiça de Itiquira, após celebração de um acordo extrajudicial firmado com uma empresa agropecuária na região.

 


Autor: AMZ Noticias com Assessoria


Comentários
O Norte Araguaia não se responsabiliza pelos comentários aqui postados. A equipe reserva-se, desde já, o direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros.

Nome:
E-mail:
Mensagem:
 



Copyright - Norte Araguaia e um meio de comunicacao de propriedade da AMZ Ltda.
Para reproduzir as materias e necessario apenas dar credito a Central AMZ de Noticias