Sábado, 28 de Novembro de 2020

Tocantins firma acordo de Cooperação para recuperação do Rio Javáes na Ilha do Bananal




COMPARTILHE

 O governador do Estado do Tocantins, Mauro Carlesse, assinou no último dia 20, um Termo de Cooperação Técnica com o Instituto Espinhaço – biodiversidade, cultura, desenvolvimento socioambiental – que visa criar um programa de conservação do solo e geração de água no Tocantins. O objetivo é, em um primeiro momento, realizar na região da Ilha do Bananal, que envolve os rios Javaés e Formoso, um projeto demonstrativo, com perspectiva de um programa estadual.

O Governador Carlesse lembrou que a redução de chuvas na região é preocupante e mesmo com poucos recursos, tem feito muito pela área ambiental. “A preservação ambiental é nossa preocupação e defendemos a produção com sustentabilidade. O Rio Javaés está completamente assoreado e temos que fazer alguma coisa para reverter essa realidade, portanto, os bons projetos para o setor ambiental sempre terão o nosso apoio”, frisou.

“Esse projeto pode se desdobrar em um programa estadual de revitalização de bacias hidrográficas, que, além de fornecer água em quantidade e qualidade para as cidades, vai fortalecer o ambiente produtivo do agronegócio, que hoje sobre revés com a diminuição das chuvas nas regiões Centro-Oeste e Norte do Brasil”, explicou o presidente do Instituto Espinhaço, Luiz Oliveira.

Ele explicou ainda que em quatro meses deverá ser entregue o projeto conceitual para a região do Rio Formoso e do Rio Javaés, sem nenhum custo para o Governo do Tocantins e a proposta é também de viabilizar os recursos para a execução dos programas a serem executados. “A ideia é de viabilizar o projeto financeiramente por meio de parcerias entre o Governo do Tocantins e o Governo Federal, por meio do Programa Nacional de revitalização de Bacias, além da possibilidade de buscar apoio e suporte de recursos internacionais, já que o Estado está inserido na região Amazônica, além dos grandes proprietários rurais, que manifestarem interesse em cooperar com a iniciativa”, ressaltou Luiz Oliveira.

O titular da pasta do Meio Ambiente e Recursos Hídricos, Renato Jaime, explicou que esse projeto, inicialmente será voltado para salvar o Rio Javaés, que em uma extensão de mais de 60 quilômetros fica seco por um período de nove meses. “O grande desafio nosso é salvar o Javáes com o aumento do nível de água do Rio Araguaia, que começa em Goiás. Ouve o assoreamento e é intenção do Governador Mauro Carlesse de iniciar um projeto para salvar o Rio Javaés e, automaticamente, a Ilha do Bananal”,

O Rio Javáes é um braço do rio Araguaia, que forma a Ilha do Bananal, a maior ilha fluvial do mundo. O Rio é formado por uma bifurcação do Rio Araguaia ainda no estado de Goiás, no município de São Miguel do Araguaia, limite dos estados de Goiás e Tocantins por aproximadamente 60 Km, até a Foz do Rio Verde.  O Javaés tem apresentado redução do volume de água nos últimos anos, com grandes prejuízos e impactos ambientais ao ecossistema.

 


Autor: AMZ Noticias com Jarbas Coutinho


Comentários
O Norte Araguaia não se responsabiliza pelos comentários aqui postados. A equipe reserva-se, desde já, o direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros.

Nome:
E-mail:
Mensagem:
 



Copyright - Norte Araguaia e um meio de comunicacao de propriedade da AMZ Ltda.
Para reproduzir as materias e necessario apenas dar credito a Central AMZ de Noticias