Sexta-Feira, 14 de Agosto de 2020

Araguaia é rejeitado na formação de chapas ao senado e apenas dois candidatos contatam a região




COMPARTILHE

Líderes políticos e eleitores do Vale do Araguaia (Leste de MT) estão revoltados com o processo de escolha dos candidatos à vaga de Selma Arruda (Podemos). Motivo: num universo de cerca 400 mil pessoas, a grande maioria dos candidatos não teria achado um nome sequer para as chapas e apenas dois candidatos teriam olhado para a composição com apoio da região.

São 12 candidatos a senador, além de 24 suplentes nas respectivas chapas. Mas, durante as negociações para preencher as chapas, nenhum dos nomes contemplava o Araguaia. As demais regiões – Norte, Sul e Oeste – foram lembradas, e há casos em que há até nomes em excesso.

A chapa de Otaviano Pivetta, através do deputado Eugenio Paiva também levantou possíveis nomes na região, um deles seria o da ex-primeira dama de Vila Rica Iraildes Cândida, esposa do ex-prefeito Naftaly Calisto, mas ela declinou do convite. Na última hora, Nilson Leitão, candidato do PSDB, chamou o vereador Júlio César dos Santos (PSDB), de Barra do Garças (503 km a Leste de Cuiabá), para compor como primeiro suplente.

Recentemente, líderes políticos do Araguaia fizeram chegar ao Palácio Paiaguás uma reclamação pertinente: na escolha do seu secretariado, o governador Mauro Mendes (DEM) não prestigiou o Araguaia com funções de destaque, Mauro teve um excelente votação na região, mas infelizmente ele não prestigiou politicamente a região.


Autor: AMZ Noticias com Diario de Cuiabá


Comentários
O Norte Araguaia não se responsabiliza pelos comentários aqui postados. A equipe reserva-se, desde já, o direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros.

Nome:
E-mail:
Mensagem:
 



Copyright - Norte Araguaia e um meio de comunicacao de propriedade da AMZ Ltda.
Para reproduzir as materias e necessario apenas dar credito a Central AMZ de Noticias