Domingo, 24 de Maio de 2020

Comerciantes de Palmas estimam que prazo de recuperação da crise nas vendas será de 01 ano




COMPARTILHE

Com o comércio parcialmente fechado em Palmas, os empresários começaram a contabilizar os prejuízos e tentam organizar o planejamento para recuperação. As lojas ainda não podem receber clientes por causa da pandemia da Covid-19, então muitos estabelecimentos estão atendendo pela internet ou com entregas para fugir do faturamento zero.

Desde que as restrições começaram, na segunda quinzena de março, o comércio já acumula queda de 11% nas vendas. Resultado ainda pior quando se leva em consideração que a expectativa do seguimento era de um mês com vendas 10% acima do registrado no ano passado. Desde janeiro o setor acumulava resultados positivos.

O presidente da Câmara de Dirigentes Lojistas, Silvan Portilho, estima que mesmo se a reabertura ocorrer ainda em abril, vai levar pelo menos um ano para que o setor volte a ter o mesmo tamanho que registrou em janeiro. São esperadas demissões nos próximos meses por parte de empresas que vão ter que se readequar.

O empresário Edson Araújo, por exemplo, tinha acabado de inaugurar uma nova loja na Avenida JK, mas acabou precisando dispensar 22 funcionários. Ele diz que se pudesse reabrir, seguiria todas as regras de uso de máscaras e higienização com álcool em gel. Outros segmentos que dependem do bom funcionamento do comércio também estão preocupados. Prestadores de serviço e taxistas não se lembra de terem visto o centro da cidade tão vazio anteriormente.


Autor: AMZ Noticias com G1


Comentários
O Norte Araguaia não se responsabiliza pelos comentários aqui postados. A equipe reserva-se, desde já, o direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros.

Nome:
E-mail:
Mensagem:
 



Copyright - Norte Araguaia e um meio de comunicacao de propriedade da AMZ Ltda.
Para reproduzir as materias e necessario apenas dar credito a Central AMZ de Noticias