Domingo, 24 de Maio de 2020

Polícia Federal de Mato Grosso suspende prisão de advogado após vazamento de dados




COMPARTILHE

A Polícia Federal de Mato Grosso suspendeu uma operação que seria deflagrada na manhã desta quinta-feira (7) em Cuiabá. Os agentes já estavam se dirigindo para o cumprimento dos mandados de busca e apreensão e de prisão contra um advogado.

A Ordem dos Advogados do Brasil, seccional Mato Grosso (OAB), chegou a ser comunicada na noite de quarta-feira (6), que um dos alvos seria um advogado.

O procedimento é regimental para que Ordem acompanhe operações contra advogados. Porém, ao chegar na sede Polícia Federal, o delegado comunicou ao representante da OAB que a operação havia sido cancelada.

Conforme nossa reportagem apurou, a operação teria sido suspensa após vazamento de informações sobre as diligências que seriam cumpridas. Nos bastidores, a informação é de que a ação está ligada a um esquema de venda de sentenças.


Autor: AMZ Noticias com Gazeta Digital


Comentários
O Norte Araguaia não se responsabiliza pelos comentários aqui postados. A equipe reserva-se, desde já, o direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros.

Nome:
E-mail:
Mensagem:
 



Copyright - Norte Araguaia e um meio de comunicacao de propriedade da AMZ Ltda.
Para reproduzir as materias e necessario apenas dar credito a Central AMZ de Noticias