Sexta-Feira, 17 de Setembro de 2021

Politec identifica índio morto durante ataque a base da Funai em cidade de Mato Grosso




COMPARTILHE

A Perícia Oficial e Identificação Técnica (Politec) identificou o índio assassinado a tiros em um confronto entre indígenas e trabalhadores da Fundação Nacional do Índio (Funai), na última quarta-feira (10), na cidade de Colniza (1.070 km de Cuiabá). A vítima foi identificada como Erivelton Tenharin, de 43 anos.

Conforme informações da Polícia Militar da cidade, Erivelton e os outros indígenas invadiram a sede da Funai, após estourarem o cadeado de uma porteira. Houve tiroteio e o indígena de 43 anos morreu.

Os agentes explicaram que o ataque ocorreu depois que um morador da região que se apresentava como indígena, reuniu um grupo de pessoas armadas e avisou por um aplicativo de telefone celular que atacaria a base da Funai. O coordenador da Funai estava assistindo TV quando ouviu um barulho de carro se aproximando do local e percebeu que se tratavam dos indígenas. Como eles já haviam sido ameaçados, as vítimas já estavam preparadas e revidaram ao ataque.

Durante o tiroteio, Erivelton foi atingido com disparos e morreu ainda no local. O corpo do indígena foi encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML) para exame de necropsia. No local do crime, foram apreendidas oito armas de fogo que pertecem à Funai e entregues à Polícia Federal para perícia. A segurança na reserva indígena está sendo feita pela Força Nacional e agentes do Instituto Brasileiro de Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama).


Autor: AMZ Noticias com Janaiara Soares


Comentários
O Norte Araguaia não se responsabiliza pelos comentários aqui postados. A equipe reserva-se, desde já, o direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros.

Nome:
E-mail:
Mensagem:
 



Copyright - Norte Araguaia e um meio de comunicacao de propriedade da AMZ Ltda.
Para reproduzir as materias e necessario apenas dar credito a Central AMZ de Noticias