Terca-Feira, 27 de Julho de 2021

Galo é denunciado e apreendido pela Polícia Militar por cantar de madrugada em cidade do Paraná




COMPARTILHE

Um galo foi apreendido pela Polícia Militar do Paraná (PM) após uma denúncia de perturbação de sossego, em Ivaiporã, no norte do Paraná, após a confusão ele foi vendido e será leiloado pelo novo dono. O antigo proprietário disse que ficou constrangido com a apreensão.

O animal virou caso de polícia após cantar durante a madrugada, na segunda-feira (7). Um vizinho chamou a PM para reclamar do barulho, e o galo acabou sendo recolhido. O dono teve que assinar um termo circunstanciado.

Após a apreensão, o galo foi levado para um abrigo provisório providenciado pela Secretaria Municipal de Meio Ambiente. O dono, Elcio Antunes da Silva, teve prazo de cinco dias para arranjar um novo lar para o animal. Elcio tem 51 anos e trabalha como trabalhador rural. Ele disse que comprou o galo há dois meses e que o animal começou a cantar recentemente. "Fiquei constrangido. Eu fui lá, peguei o galo e coloquei dentro do camburão", contou.

O trabalhador rural disse que resolveu vender o galo para não ter mais confusão. O novo dono, o empresário Elias Belarmino da Silva, levou o animal para uma chácara. "A gente teve a ideia de leiloar e reverter para ele [antigo dono], para melhorar a vida dele. O galo vai ficar aqui na chácara, bem cuidado e vai estar num ambiente saudável para poder cantar à vontade", disse o empresário. O antigo dono do galo ainda mantém outras três galinhas em casa. Elcio disse que também irá levar os animais para uma propriedade rural.

Galo apreendido - A PM foi chamada por volta das 2h de segunda-feira a partir de uma denúncia de perturbação do sossego. Um morador relatou que o vizinho mantinha um galinheiro nos fundos de casa e que um galo estava cantando de madrugada.

Segundo o morador, ele tentou conversar com o vizinho para resolver o problema, mas não obteve sucesso. Por isso, o homem resolveu chamar a polícia. PM informou que mais da metade das denúncias que são feitas por moradores são referentes a ocorrências de perturbação do sossego, em todo o Paraná.


Autor: Redação AMZ Noticias


Comentários
O Norte Araguaia não se responsabiliza pelos comentários aqui postados. A equipe reserva-se, desde já, o direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros.

Nome:
E-mail:
Mensagem:
 



Copyright - Norte Araguaia e um meio de comunicacao de propriedade da AMZ Ltda.
Para reproduzir as materias e necessario apenas dar credito a Central AMZ de Noticias